Categorias
Notíciais Voltaço

Neto Colucci completa 1 ano à frente do Voltaço

Comandante tricolor concluiu o curso Licença A da CBF Academy 

O técnico Neto Colucci está completando um ano à frente do Volta Redonda nesta terça-feira, dia 26. O treinador tricolor dirigiu em Esquadrão de Aço em 40 jogos, com 15 vitórias, 15 empates e 10 derrotas, atingindo a maior pontuação que o Voltaço já fez em uma edição de Série C e somando um aproveitamento de 50% nas quatro competições em que disputou.  

Difícil você analisar o trabalho. Como o próprio nome diz, trabalho remete a dificuldade. Quando assumi o Volta Redonda, estávamos em um momento muito complicado, brigando contra o rebaixamento, e aí conseguimos trabalhar e manter a equipe na Série C. Aí veio esta temporada, tivemos algumas mudanças no elenco, e a equipe teve boas atuações nas competições que disputamos. Infelizmente não tivemos nenhum título ou o acesso, mas foi o ano que mais revelamos e utilizamos atletas formados na nossa base em jogos oficiais. É uma semente muito bem plantada para que lá na frente o Voltaço possa colher mais frutos ainda – analisou.  

Já falando sobre a temporada 2021, o comandante tricolor destacou os pontos positivos e negativos, projetando também o próximo ano.  

O aprendizado é diário. Todo dia aprendemos algo não só procurando, estudando e vivenciando, mas também errando. No geral, tivemos muitos pontos positivos durante esta temporada. Hoje, podemos afirmar que o Volta Redonda já é uma equipe respeitada no cenário estadual e muito forte no cenário nacional. Temos um padrão de jogo próprio, mudamos de sistema e característica dentro da partida, construímos variações de jogadas, dentre outros pontos positivos que fazem os nossos adversários nos estudarem e respeitarem bastante quando vão nos enfrentar. Por isso, acredito que fizemos uma temporada 2021 muito boa e no ano que vem tenho certeza que será a concretização de um trabalho muito sólido que estamos fazendo – destacou Neto Colucci, que ainda falou mais sobre o que pode-se levar dos adversários.  

Enfrentamos equipes que há muito tempo o Volta Redonda não enfrentava, com características e estratégias diferentes, pegamos temperaturas e viagens muito longas. Terminamos o ano brigando pela classificação, em uma chave muito equilibrada, não à toa que, na última rodada, sete clubes tinham chance de garantir a vaga. Isso mostra o equilíbrio da nossa chave e como taticamente conseguimos evoluir os nossos atletas e trabalhar forte. Conhecemos muitos atletas, características diversificadas dos nossos adversários e isso traz um aprendizado para que possamos colocar em prática as coisas boas que enfrentamos, corrigindo também os erros que tivemos.  

Licença A  

O comandante Neto Colucci terminou nesta semana o curso Licença A da CBF Academy, destinado aos treinadores de equipes profissionais. Agora, fica faltando apenas o curso da Licença Pro para o técnico tricolor, que é destinado aos treinadores que comandam equipes em competições internacionais.  

Assistimos aulas com diversos treinadores consagrados, assim como também têm muitos treinadores pelo Brasil que realizaram o curso. É um momento de adquirir conhecimento, fazer network e ter troca de experiências, passando um pouco do que estamos fazendo e conhecer também o que vem sendo realizado em outros clubes. Foi muito especial e espero colocar em prática os aprendizados e as correções que fizemos juntos nestas aulas. Agora já estou escrito para a Licença PRO, que é o último curso da CBF para treinadores, destinados a técnicos de competições internacionais, como Libertadores, Sul-Americana, dentre outras, e espero realizá-lo em breve – celebrou.