Neto Colucci analisa jogo do Voltaço contra o Resende ‘Isso é o futebol’

Comandante tricolor destaca que equipe foi muito bem, mas precisa caprichar mais nas finalizações

O Volta Redonda dominou o Resende durante todo o jogo disputado nesta terça-feira, dia 23, no estádio do Trabalhador. Teve mais posse de bola, criou chances de gol, acertou a trave duas vezes, porém, em um contra-ataque, aos 40 minutos do segundo tempo, os donos da casa marcaram o único gol da partida.

Após o confronto, o comandante Neto Colucci analisou a primeira derrota do Esquadrão de Aço na competição.

Vão ter jogos que vamos jogar mal e ganhar, como foi contra o Vasco, e partidas que vamos jogar muito bem, dominar o adversário e perder em um contra-ataque, como foi hoje (ontem). Isso é o futebol. A equipe foi muito bem, criou muitas chances de gol, acertou a trave duas vezes, mas temos a consciência que precisamos caprichar mais nas finalizações. Estávamos conquistando um ponto, que fora de casa pode ser considerado um bom resultado, mas decidi buscar a vitória, mantendo o time no ataque, e o Resende, que se defendeu bem durante o jogo, aproveitou a única chance que teve. Agora é analisar todo o jogo, ver o que tivemos de positivo, como o domínio, as triangulações, marcação pressão e trabalhar para corrigir os erros que tivemos, porque, assim como na vitória não está tudo perfeito, a derrota não quer dizer que está tudo errado. É momento de nos unirmos para buscar a recuperação já na próxima rodada – destacou.

Sem muito tempo para descanso, o Esquadrão de Aço já volta a campo nesta sexta-feira, dia 26, às 16h, no Elcyr Resende, para enfrentar o Fluminense.

Estamos em uma maratona de jogos muito grande, com quatro partidas em dez dias, e não vamos ter tempo para lamentar ou descansar muito, porque já temos uma viagem longa para Bacaxá e um confronto muito difícil contra o Fluminense na sexta-feira. Então é procurar recuperar os atletas, montar uma estratégia para competirmos fortes e buscar um resultado positivo que é muito importante, porque nos mantém nas primeiras posições da classificação – afirmou.