Estadual sub-20: Voltaço empata com o Bangu

Léo Melo marcou o gol do Esquadrão de Aço

Na reestreia do #CariocãoSub20, o Volta Redonda empatou em 1 a 1 com o Bangu. Léo Melo marcou o gol do Esquadrão de Aço.

Na próxima rodada do Estadual, o Voltaço irá visitar o America, sábado, dia 12, às 15h, no estádio Giulite Coutinho.

O jogo

O Volta Redonda iniciou a partida a todo vapor e logo abriu o placar aos quatro minutos de jogo, com Léo Melo. Dois minutos depois, o Esquadrão de Aço teve chance para ampliar o placar, mas Isaac defendeu o pênalti cobrado por Guilherme Eulálio.

A pressão tricolor seguiu e quase o segundo gol veio aos 27 minutos com Bambam, que acertou um belo chute da entrada da área e obrigou o goleiro adversário a fazer grande defesa.

Por sua vez, o Bangu só conseguiu equilibrar a partida após os 30 minutos e assustou pela primeira vez em um chute da fora da área de Barcellos, que Luís Fernando fez grande defesa. Os visitantes seguiram apostando nos chutes de longe e tiveram sucesso aos 37 minutos, com Lucas Oliveira que bateu rasteiro para empatar o jogo.

Na volta do intervalo, o Bangu chegou com perigo aos nove minutos, mas Luís Fernando se esticou todo para fazer a defesa e evitar o gol adversário.

Após o susto, o Volta Redonda retomou o controle da partida e passou a pressionar o adversário em busca do segundo gol. Aos 19 minutos, Pedro Thomaz arriscou da entrada da área e quase marcou.

Aos 32 minutos, o Bangu ficou com um a menos após Rael receber o segundo amarelo e ser expulso.

Com um a mais, a pressão tricolor ficou ainda mais intensa e, por muito pouco, o gol da vitória não saiu aos 34 minutos. Após cruzamento na área, Bebê cabeceou para o gol, Isaac defedeu e, no rebote, João finalizou para outra grande defesa do goleiro adversário. Fim de jogo no CT Oscar Cardoso: Volta Redonda 1×1 Bangu.

Campeonato Carioca sub-20 – 2ª rodada da Taça Guanabara
Volta Redonda 1×1 Bangu
(09/09/20 – CT Oscar Cardoso – 15h)

Volta Redonda: Luís Fernando; Rhuan, David, Gabriel Pereira e Marcinho; Guilherme Eulálio, Fred e Bambam; Bebê, Juan e Léo Melo. Técnico: Marco Aurélio.

Gol: Léo Melo

Voltaço recebe o Ypiranga-RS de olho na liderança da Série C

Partida será nesta quinta-feira, dia 10, às 15h, no Luso Brasileiro

Com 100% de aproveitamento como mandante nesta Série C, o Volta Redonda recebe o Ypiranga-RS nesta quinta-feira, dia 10, às 15h, no Luso Brasileiro, em partida que pode recolocar o Esquadrão de Aço na liderança do grupo B.

Artilheiro do Voltaço na competição com quatro gols marcados, sendo três nos últimos dois jogos, o atacante Saulo Mineiro projeta o duelo diante da equipe gaúcha.

Tivemos dois jogos difíceis fora de casa e conquistamos quatro pontos muito importantes. Iremos enfrentar agora o Ypiranga-RS, que tem muita qualidade e está vindo em uma boa sequência de quatro jogos sem derrota. Sabemos que também será um jogo de muita força física e pegado, características de times do Sul, e precisamos entrar focados para manter o nível de atuação das últimas partidas, aproveitando as chances criadas para matar o jogo e conquistar os três pontos que valem a liderança do grupo – destacou.

O Volta Redonda é vice-líder do grupo B, com onze pontos ganhos, um a menos que o líder Brusque-SC. Em terceiro lugar está o Criciúma-SC, com oito pontos ganhos, mesma pontuação do Ypiranga-RS, que fecha o G4.

Voltaço empata com o Criciúma e se mantém invicto na Série C

Saulo Mineiro marcou o gol do Esquadrão de Aço 

O Volta Redonda empatou em 1 a 1 com o Criciúma-SC no estádio Heriberto Hülse e se mantém invicto na Série C. Saulo Mineiro, em um golaço após chute da intermediária, marcou o gol do Voltaço. 

Com o resultado, o Esquadrão de Aço termina a rodada na vice-liderança do grupo B, com 11 pontos, um a menos que o líder Brusque-SC.  

Na próxima rodada, o Voltaço recebe o Ypiranga-RS, quinta-feira, dia 10, às 15h, no estádio Luso Brasileiro.  

O jogo  

Em uma primeira etapa equilibrada, as duas equipes apostaram nos chutes de fora da área para surpreendeu. E deu certo! Aos 22 minutos, Jean Dias arriscou da intermediária e abriu o placar para o Criciúma. A resposta do Voltaço veio na mesma moeda. Aos 26 minutos, Saulo Mineiro recebeu na intermediária e, de esquerda, acertou um chute no ângulo, marcando um golaço e deixando tudo igual no Heriberto Hülse.  

Com o 1 a 1 no placar, o Esquadrão de Aço passou a controlar a partida e quase chegou à virada aos 35 minutos. Saulo Mineiro ganhou do defensor na velocidade e cruzou para Pedrinho que, de primeira, bateu para o gol e a bola saiu rente a trave.  

A volta do intervalo foi movimentada e as duas equipes tiveram chance de marcar logo nos primeiros minutos. Os donos da casa assustaram primeiro com Michel, que recebeu na área, finalizou e a bola passou à direita do gol. O Voltaço deu a resposta com Pedrinho, que arriscou da entrada da área e a passou muito perto da trave direita de Agenor.  

Nos minutos finais da partida, o Criciúma tentou uma pressão em busca do segundo gol, mas não conseguiu vencer o sistema defensivo tricolor. Fim de jogo no Heriberto Hülse: Criciúma 1×1 Volta Redonda. 

Campeonato Brasileiro Série C – 5ª rodada  

Criciúma-SC 1×1 Volta Redonda  

(06/09/2020 – estádio Heriberto Hülse – 16h) 

Volta Redonda: Douglas Borges; Oliveira, Heitor, Luan e Luiz Paulo; Bruno Barra, William Mineiro e Luciano Naninho (Robertinho); Saulo Mineiro (Bernardo), Pedrinho (Emerson Carioca) e João Carlos. Técnico: Luizinho Vieira.  

Gol: Saulo Mineiro 

Cartão amarelo: Oliveira, Pedrinho e Bruno Barra 

Voltaço enfrenta o Criciúma-SC em jogo-chave pela Série C

Partida será neste domingo, dia 6, às 16h, estádio Heriberto Hülse

Líder do grupo B e invicto, o Volta Redonda enfrenta o Criciúma-SC neste domingo, dia 6, às 16h, no estádio Heriberto Hülse, em busca da sua quarta vitória seguida na Série C do Campeonato Brasileiro.

Partida que pode valer a liderança da chave, porque, atualmente, o Voltaço lidera com 10 pontos, três a mais que a equipe catarinense, que está na terceira posição.

Por isso, o comandante tricolor destaca a importância da equipe conquistar pontos.

Conheço bem a força do Criciúma dentro de casa e sei que será um jogo muito complicado, mas estamos vindo em uma crescente muito boa, mantendo um nível de atuação lá em cima e vamos entrar em campo para brigar pela vitória. Apesar de ser mais um jogo fora de casa, temos que manter o mesmo padrão tático, controlando o jogo sem bola, brigando pela posse de bola e buscando agredir o adversário em busca do gol, como fizemos em todas as partidas da temporada até o momento – destacou.

Voltaço viaja para enfrentar o Criciúma-SC pela Série C

Partida será no domingo, dia 6, às 16h, no estádio Heriberto Hülse

O Volta Redonda se prepara para mais uma partida fora de casa pela Série C. Nesta sexta-feira, dia 4, o Esquadrão de Aço seguiu para Santa Cantarina, onde, no domingo, dia 6, irá enfrentar o Criciúma-SC pela quinta rodada da Série C. A partida será no estádio Heriberto Hülse, às 16h.

Autor dos dois gols da vitória diante do São José-RS na rodada passada, o atacante Saulo Mineiro, que já tem três gols na competição, destaca que a equipe chega forte para o confronto e preparada para brigar por mais uma vitória.

Fico muito feliz pelos dois gols diante do São José e também bela grande atuação que toda a equipe teve durante a partida. Tenho certeza que estamos no caminho certo para buscar esta classificação e, posteriormente, o acesso à Série B, mas sabemos que ainda estamos no começo da competição e, por isso, é preciso manter os pés no chão e seguir trabalhando muito forte – destacou o camisa 13, que ainda analisou o adversário.

Teremos mais um confronto direto pela frente, contra um adversário forte, que está 100% em casa e que, com certeza, irá brigar pela classificação até o final. Trabalhamos muito forte esta semana e vamos entrar focados em campo para jogar o nosso jogo, com tranquilidade, não dando espaços para o adversário e aproveitando as chances criadas para voltar de lá com a vitória – projetou.

O Volta Redonda lidera o grupo B com 10 pontos ganhos, um a mais que o vice-líder Brusque-SC. Na terceira posição vem o Criciúma-SC, com 7 pontos ganhos, e fechando o G4 o São José-RS, com seis pontos.

Equilíbrio tático: Voltaço tem média de dois gols por jogo e está há dois sem ser vazado

Equipe marcou nove gols nos quatro jogos disputados até o momento

A campanha do líder Volta Redonda na Série C mostra o equilíbrio tático que a equipe vem mostrando durante os seus jogos. Invicto e com um aproveitamento de 83% até o momento, o Esquadrão de Aço marcou nove vezes nas quatro rodadas disputadas, com uma média de 2,25 gols por partidas. Já na defesa, o Voltaço está há mais de 180 minutos sem sofrer gols.

Cenário que, segundo o capitão Heitor, reflete o equilíbrio tático que o Esquadrão de Aço mostrou nas quatro partidas que fez até o momento na competição.

A Série C é um campeonato muito equilibrado, onde as partidas são decididas nos detalhes. Por isso, é muito importante ter uma defesa forte, controlar o jogo sem a bola, fechando os espaços, e, lá na frente, aproveitar as chances criadas para transformar em gols. A equipe vem se portando muito bem e fazendo isso, especialmente nas duas últimas partidas, quando venceu e não sofreu gols, o que é muito importante, ainda mais jogando fora de casa – destacou.

Na próxima rodada, o Volta Redonda joga novamente fora de casa contra o Criciúma-SC. A partida será no domingo, dia 6, às 16h, no estádio Heriberto Hülse.

Sabemos que enfrentar o Criciúma na casa deles é muito difícil, mas precisamos entrar em campo focados para manter o nosso nível de atuação. Será mais uma partida chave, contra um adversário que também irá brigar pela classificação até o final, e é muito importante pontuarmos. Estamos fazendo uma semana forte de treinamentos, estudando bastante o adversário e vamos entrar em campo para fazer um grande jogo e voltarmos com um bom resultado para casa – afirmou o capitão tricolor.

Voltaço anuncia transferência de Neto Colucci para o sub-17 do Botafogo

Auxiliar técnico da comissão permanente do profissional está há mais de cinco anos no Esquadrão de Aço

“É um até logo, porque um dia ainda volto para realizar o meu sonho de dirigir o profissional e dar um título ao Volta Redonda”. Essas foram as palavras escolhidas pelo auxiliar técnico Neto Colucci, que está se despedindo do Volta Redonda para assumir o cargo de técnico do sub-17 do Botafogo.

Sou muito grato ao Volta Redonda. É o meu clube de coração e que vou levar para sempre comigo. Saio com o sentimento de um até logo, porque ainda tenho um sonho de, um dia, comandar a equipe profissional e dar um título ao clube, o que será uma forma de retribuir tudo o que o Volta Redonda fez por mim e pela minha carreira – destacou.

Neto Colucci chegou ao Volta Redonda em novembro de 2014. No início, ocupou os cargos de auxiliar técnico do sub-20 e de gerente da base, até que, em 2015, assumiu como técnico do sub-20 e ficou até janeiro de 2020, quando foi promovido como auxiliar técnico da comissão permanente do profissional.

Durante este tempo, além dos campeonatos estaduais da categoria, comandou a equipe em quatro Copa São Paulo de Futebol Júnior. Entre elas, a histórica campanha de 2019, quando a equipe chegou às quartas de final da competição.

Se hoje estou dando este passo na minha carreira, 90% devo ao Volta Redonda, que me deu a oportunidade de me projetar a nível nacional. Só tenho que agradecer a diretoria, funcionários do clube, jogadores e comissão técnica pela confiança e carinho que tiveram comigo. E deixo também um agradecimento especial aos profissionais da comissão técnica e os atletas da nossa base, pelo qual tenho um carinho imenso por todo o tempo que trabalhamos juntos. Também não posso deixar de agradecer a torcida, que sempre esteve do meu lado, me apoiando e incentivando em todos os momentos – completou.

O presidente Flávio Horta falou sobre a saída de Neto Colucci e agradeceu por toda a dedicação e comprometimento com o clube.

O Neto está conosco desde que assumimos e é um profissional que dispensa comentários. Fez um trabalho de excelência com o sub-20 e que está rendendo muitos frutos, exemplo disso é o grande número de atletas da base no nosso elenco profissional. Ele estava agregando muito a nossa comissão técnica do profissional e recebeu esta proposta do Botafogo. Desejamos que ele tenha muito sucesso neste novo momento da sua carreira – afirmou.