Voltaço cria patrocínio solidário para ajudar trabalhadores afetados pelo Coronavírus

Esquadrão de Aço disponibilizará espaço no uniforme para Supermercado em troca de cestas básicas  

Solidariedade! Esta é a palavra que motivou a nova campanha criada pelo Volta Redonda FC. O Esquadrão de Aço disponibilizará o espaço da manga do uniforme, do backdrop e de faixas no Centro de Treinamento para um supermercado em troca de um patrocínio solidário de cestas básicas, que serão doadas para trabalhadores autônomos da cidade de Volta Redonda, afetados pela pandemia do Coronavírus.  

Segundo o presidente do Voltaço, Flávio Horta, esta foi a maneira que a diretoria tricolor enxergou para poder ajudar os voltarredondenses, uma vez que o clube também será afetado financeiramente e não conseguiria contribuir com as doações.  

O Volta Redonda, assim como a maioria dos clubes do Brasil, enfrenta muitas dificuldades financeiras, que serão agravadas por conta deste cenário de incertezas que o Coronavírus criou. Porém, o Voltaço, como um clube que representa a cidade, não pode ficar parado e precisa buscar maneiras de ajudar a população de Volta Redonda. Temos este espaço na manga do uniforme disponível e pensamos em utilizá-lo em troca de um patrocínio solidário, arrecadando cestas básicas que serão doadas para trabalhadores autônomos e que estão sendo prejudicados por conta desta pandemia – explicou. 

O mandatário tricolor destaca ainda que o clube já procurou alguns supermercados para iniciar a conversa sobre a parceria, porém ainda não fechou com nenhum. Caso algum empresário esteja interessado em ajudar nesta causa, pode entrar em contato através do e-mail: marketing@voltaco.com.br.  

Neste momento, precisamos somar forçar para conseguirmos amenizar esta situação. Ainda teremos jogos que serão transmitidos pela TV neste Estadual, inclusive contra o Fluminense, e podem ter certeza que a visibilidade do Supermercado será muito grande. Sem contar que podemos chegar à semifinal da Taça Rio e a geral, e teremos ainda toda a Série C pela frente. Tudo isso somado a oportunidade de contribuir com um trabalhador autônomo que, com certeza, está precisando muito da nossa ajuda – destacou. 

O cadastro e a logística da distribuição das cestas serão definidos, posteriormente, com o supermercado parceiro e com a ajuda da coordenadoria de assistência social de Volta Redonda. 

Voltaço adia retorno e suspende treinos por tempo indeterminado

O Volta Redonda comunicou aos atletas e toda a comissão técnica do departamento profissional que o retorno das atividades, a princípio marcado para esta segunda-feira, dia 23, será adiado por tempo indeterminado.

A diretoria tricolor ressalta que a decisão foi tomada diante do agravamento dos números da pandemia do Coronavirus no Brasil e no estado do Rio de Janeiro, principalmente pela incidência de casos confirmados na cidade de Volta Redonda e toda a região.

Estamos diariamente em contato com a Ferj, CBF e com os sindicatos dos jogadores e dos treinadores, mantendo todos informados sobre as próximas medidas, tanto referente aos campeonatos, quanto ao retorno aos treinamentos. A comissão técnica seguirá encaminhando programas de treinamentos para os atletas realizarem em casa, sempre reiterando o cuidado e isolamento neste momento difícil. Vamos continuar fazendo nossa parte e torcendo para que tudo se resolva o mais rápido possível – destacou o vice-presidente Flávio Horta Júnior.

Voltaço monta programação de treinos para atletas durante a paralisação

Jogadores receberam série de atividades e cuidados na alimentação que deverão seguir em casa  

Com a paralisação do Campeonato Carioca por conta da pandemia do Coronavírus, o Volta Redonda liberou todos os atletas para irem para casa. Entretanto, com a volta do Campeonato Carioca prevista, a princípio, para 15 dias, a comissão técnica do Esquadrão de Aço montou uma programação de treino para os jogadores realizarem durante este período. 

O preparador físico do Voltaço Paulo Fagundes explicou que o planejamento montado terá treinamentos diários, mantendo o volume que os atletas fariam se estivessem treinando normalmente.  

O preparador físico Paulo Fagundes destaca que a ideia é manter o volume de treinamento que a equipe estava realizando

Vamos montar o trabalho e colocar em um quadro semanal. Terá aquecimento, alongamento e trabalhos físicos, com treinamentos aeróbicos, de força e resistência. A ideia é manter os jogadores com um volume alto de treinamento, mais ou menos dentro do volume que estávamos fazendo diariamente. Claro que, como não teremos o trabalho com a bola, vamos precisar aumentar um pouco a intensidade da parte física. Tudo para minimizar as perdas, para que, quando voltarmos, possamos entrar com o trabalho de intensidade, já preparando o time para a volta dos jogos – destacou Paulo.

Não é somente na parte física que os atletas precisarão ter cuidado durante este período de paralisação. O nutricionista do Esquadrão de Aço Elton Bicalho também montou uma série de recomendações que os jogadores deverão seguir, como, por exemplo, evitar frituras e comidas gordurosas; ingerir frutas e verduras, que são importantes para a imunidade do organismo; e, principalmente, beber muita água.  

O nutricionista Elton Bicalho enviou uma série de recomendações para os atletas seguirem em casa

Neste período é importante a conscientização do processo que o mundo está passando. Entretanto, não podemos esquecer que, em breve retornaremos nossas atividades, e é importante voltarmos bem, minimizando os prejuízos que podem vir por conta desta paralisação. Todos sabem os sacrifícios que tiveram que fazer para atingir as metas, são atletas profissionais e tenho a certeza que irão se cuidar para voltarmos muito próximos de onde paramos – afirmou o nutricionista tricolor.

Nota Oficial: Voltaço antecipa férias de funcionários

A diretoria do Volta Redonda FC decidiu antecipar 15 dias de férias de todos os funcionários do setor adminstrativo e das categorias de base do clube.

A medida é mais uma ação preventiva por conta da pandemia do Coronavírus, evitando assim, dentre outras coisas, o deslocamento das pessoas das suas casas para o trabalho.

Vale destacar também que a medida pode ser extensiva ao departamento profissional do Voltaço, caso a Fferj não confirme o retorno do Campeonato Carioca 2020.

Por fim, relembramos que o Voltaço paralisou todas as atividades do clube, desde o profissional até as categorias de base, liberando todos os atletas, membros da comissão técnica e funcionários, pensando sempre no bem-estar de todos que vivem o dia a dia do Esquadrão de Aço.

Voltaço paralisa atividades do departamento profissional e da base

O Volta Redonda FC informa que, em virtude da pandemia do Coronavirus, irá paralisar todas as atividades do clube, desde do profissional até as categorias de base, liberando todos os atletas, membros da comissão técnica e funcionários.

O departamento profissional tem a reapresentação marcada, a princípio, para a próxima segunda-feira, dia 23, seguindo o planejamento de que o Campeonato Carioca irá retornar no fim de semana do dia 28. Caso a paralisação do Estadual seja prorrogada, o retorno dos jogadores também deverá ser adiado.

Já as categorias de base do Esquadrão de Aço ficarão, no mínimo, 15 dias de recesso, aguardando a decisão de quando irá recomeçar as disputas dos campeonatos.

Como todos sabem, tivemos uma reunião hoje na Ferj e ficou definido pela interrupção do Campeonato Carioca, a princípio por 15 dias, mas que podem ser estendidos. Foi levado em consideração o bom senso, seguindo no sentido que todo o mundo está indo. É um momento que precisamos nos cuidar, para que evitemos de prolongar ainda mais um sofrimento que já está atingindo muita gente. Em função disso, entendemos que também não faria sentido continuarmos com as atividades no clube e estamos liberando todos os atletas, membros da comissão técnica e funcionários dos departamentos profissional e base, pensando no bem-estar de todos que vivem o dia a dia do Voltaço – destacou o vice-presidente Flávio Horta Júnior.

Fora de casa, Voltaço é derrotado pelo Madureira

João Carlos marcou o gol do Volta Redonda

O Volta Redonda foi derrotado pelo Madureira por 2 a 1. João Carlos marcou o gol do Voltaço e Ygor Catatau e Luam anotaram para os donos da casa.

O próximo adversário tricolor, após a paralisação do Estadual, será o Fluminense, no Maracanã.

O jogo

Um primeiro tempo truncado e de poucas chances de gol. Este foi o resumo da primeira etapa de Madureira e Volta Redonda. As duas chances criadas foram em cobranças de falta da entrada da área. Luciano Naninho, para o Madureira, e Bernardo, pelo Volta Redonda, arriscaram e os dois chutes saíram por cima do gol.

Se o primeiro tempo não teve muitas chances, a segunda etapa começou movimentada. Aos dez minutos, Pedrinho arriscou da entrada da área e Douglas fez a defesa. A resposta dos donos da casa veio no lance seguinte com Nathan, que acertou a trave de Douglas Borges.

Após a parada técnica, o Madureira voltou a assustar com Emerson, em cobrança de falta da intermediária, mas Douglas Borges se esticou todo e fez grande defesa.

Aos 36 minutos, os donos da casa abriram o placar, com Ygor Catatau, em cobrança de pênalti. Nos acréscimos, o Madureira ampliou o marcador com Luam.

No último lance da partida, João Carlos, de pênalti, anotou o gol para o Voltaço.

Campeonato Carioca- 3° rodada da Taça Rio
Madureira 2×1 Volta Redonda
16/03/2020 – estádio Aniceto Moscoso – 16h

Volta Redonda: Douglas Borges; Oliveira, Heitor, Daniel Felipe e Luiz Paulo; Bruno Barra, Wallisson (Bambam); Marcelo e Bernardo (Luan Martins); Pedrinho e João Carlos. Técnico: Luizinho Vieira.

Gol: João Carlos (VRE) / Ygor Catatau e Luam (MAD)

Cartão amarelo: Daniel Felipe, Marcelo, Luan Martins, Heitor

Voltaço enfrenta Madureira em confronto direto pela semi da Taça Rio

Partida será nesta segunda-feira, às 16h, em Conselheiro Galvão  

Faltando três rodadas para a o final da Taça Rio, o Volta Redonda visita o Madureira nesta segunda-feira, dia 16, às 16h, em Conselheiro Galvão, em um confronto direto na briga pela vaga para a semifinal. Isso porque, apenas um ponto separa o Voltaço, segundo colocado do grupo B, do Tricolor Suburbano, que ocupa a terceira colocação da chave.  

Por isso, o comandante Luizinho Vieira alerta para a importância de a equipe entrar em campo focada e preparada para jogar uma decisão. 

A partida é altamente decisiva e precisamos, dentro do jogo, ter uma concentração intensa, porque é um confronto direto pela vaga na semifinal. O Madureira vem muito bem na competição e tem um técnico que trabalhou aqui e conhece bem o time do Volta Redonda. Temos que ter inteligência para se comportar bem na parte defensiva e ambição para chegar bem no ataque e buscar o gol, para que possamos colher um bom resultado, nos mantendo na zona de classificação para a semifinal da Taça Rio – destacou. 

O Volta Redonda ocupa a segunda colocação do grupo B, com quatro pontos ganhos, dois a menos que o líder Fluminense, e um a mais que o Madureira, terceiro colocado. O Macaé vem na quarta colocação, com três pontos, um a mais que o Vasco, quinto colocado. O Resende, com um ponto, é o último colocado da chave.  

Pedrinho quer Voltaço focado diante do Madureira: ‘O detalhe vai fazer a diferença’

Atacante tricolor vem sendo um dos principais destaques ofensivos do Esquadrão de Aço

Um jogo de seis pontos! A partida entre Volta Redonda e Madureira, marcada para esta segunda-feira, dia 16, às 16h, em Conselheiro Galvão, é um confronto direto na briga pela classificação para as semifinais da Taça Rio.

Por isso, o atacante Pedrinho alerta para a importância do Esquadrão de Aço entrar focado e manter o padrão de jogo os 90 minutos.

É um confronto direto, com duas equipes que estão fazendo um grande campeonato e o detalhe vai fazer a diferença. Precisamos fazer um jogo com a concentração lá no alto e sem erros. O nosso sistema defensivo atento, repetindo as boas atuações das partidas em casa, e lá na frente precisamos aproveitar as chances criadas. É um jogo de seis pontos e vamos brigar até o final pela vitória – destacou.

Titular em todas as partidas do Esquadrão de Aço no ano até aqui, Pedrinho vem sendo a principal arma ofensiva da equipe, tendo o chute de fora da área como ponto forte.

O professor Luizinho monta a equipe para jogar ofensivamente, buscando o gol o tempo todo e nos dá liberdade para criar e chegar finalizando. Tenho a batida da entrada da área como ponto forte, treino bastante ela e sempre que tenho a oportunidade procuro finalizar. O primeiro gol já saiu, mas vou continuar trabalhando forte para outros saírem e seguir ajudando o Voltaço a buscar a classificação para a semifinal – ressaltou.

O Volta Redonda está na vice-liderança do grupo B, dois pontos atrás do líder Fluminense e um a mais que o Madureira.

Voltaço aposta em solidez defensiva para surpreender Madureira

Lateral-direito Oliveira destaca importância de não tomar gol fora de casa

A quinta-feira do Volta Redonda foi de treinamento em período integral no CT Oscar Cardoso e foco total na partida decisiva diante do Madureira, segunda-feira, dia 16, às 16h, em Conselheiro Galvão.

Confronto direto na briga pela classificação para a semifinal da Taça Rio, uma vez que a diferença entre o Voltaço, segundo colocado do grupo B, com quatro pontos, e do Madureira, terceiro colocado, é de apenas um ponto.

Para sair de campo com a vitória, o lateral-direito Oliveira destaca para a importância do sistema defensivo repetir as boas atuações, principalmente dos jogos no Raulino de Oliveira, quando não tomou nenhum gol nas cinco partidas disputadas.

Precisamos ter um sistema defensivo muito sólido, assim como estamos conseguindo nas partidas em casa. No jogo fora é importante não tomar gol, porque tenho certeza que os nossos atacantes vão fazer lá na frente e vamos sair com a vitória. Estamos fazendo uma semana de trabalho muito forte e chegaremos preparados para fazer um grande jogo e buscar os três pontos – destacou.

Oliveira chegou ao Esquadrão de Aço para a disputa do Estadual e vem sendo um dos principais destaques da equipe. O lateral vê a união do elenco como um dos principais fatores para a boa campanha do Voltaço que vem fazendo.

O nosso grupo é muito unido e com uma solidez muito boa. Procuro estar sempre crescendo, me entregando ao máximo dentro de campo e buscando ajudar os meus companheiros de todas as formas. O torcedor pode ter certeza que vamos para Conselheiro Galvão buscar a vitória, com muita força, dedicação e brigando até o último minuto – afirmou.

Voltaço se prepara para jogo decisivo diante do Madureira

Zagueiro Daniel Felipe alerta para força do adversário dentro de casa  

O Volta Redonda ocupa a vice-liderança do grupo B, com quatro pontos ganhos, dois a menos que o líder Fluminense e um a mais que o terceiro colocado Madureira, que é o próximo adversário tricolor nesta Taça Rio. Por isso, a partida desta segunda-feira, dia 16, às 16h, em Conselheiro Galvão, vem ganhando ares de decisiva na briga pela classificação para a semifinal.  

Cenário que faz o zagueiro Daniel Felipe pedir atenção redobrada de todos do elenco tricolor.  

O nosso momento na competição é muito bom, mas é preciso estar sempre alerta, até para não repetirmos os erros da Taça Guanabara. Acredito que se fizermos um bom jogo contra o Madureira, conquistando os três pontos, vamos deixar a classificação para a próxima fase bem encaminhada, além de seguirmos entre os primeiros na classificação geral, que dá a vaga para a Copa do Brasil – destacou. 

Daniel Felipe conhece muito bem o próximo adversário do Esquadrão de Aço, principalmente jogando em Conselheiro Galvão. O zagueiro defendeu o Madureira por mais de 100 jogos. 

Lá é um campo muito difícil de jogar. Por tudo que já passei lá dentro, conheço bem o campo, que é muito curto, muito apertado. Sabemos que será um jogo truncado e a força de vontade será o diferencial. O time que tiver mais garra, mais força de vontade irá sair vencedor do jogo – projetou o zagueiro, que ainda falou sobre a importância da semana cheia de treinamentos. 

Importante para descansar, estudar bastante o adversário e preparar uma boa estratégia para chegarmos bem em todos os aspectos para esta partida decisiva diante do Madureira – completou. 

Douglas Lima é liberado para acertar com o Treze-PB  

O meia-atacante Douglas Lima recebeu uma proposta do Treze-PB e pediu a rescisão do seu contrato nesta quarta-feira, dia 11. A diretoria tricolor atendeu o pedido do atleta e o liberou.  

Douglas Lima chegou ao Voltaço em 2019

Douglas chegou ao Esquadrão de Aço para a temporada de 2019. Ao todo, o atleta defendeu o Tricolor em 30 jogos, marcando um gol.  

A diretoria tricolor agradece o atleta por todo o empenho e dedicação durante a sua passagem pelo Voltaço e deseja boa sorte na sequência da sua carreira.