Voltaço empata em 2 a 2 com o São José-RS

Heitor e Wandinho marcaram os gols do Esquadrão de Aço

Em uma partida de quatro gols, o Volta Redonda empatou em 2 a 2 com o São José-RS, no Raulino de Oliveira.

Com o resultado, o Esquadrão de Aço termina o primeiro turno com dez pontos ganhos, na sétima posição.

Na próxima rodada, o Voltaço visita o Atlético-AC. A partida será no domingo, dia 30, às 19h, na Arena da Floresta.

O jogo

Em um primeiro tempo truncado e de poucas chances, o Volta Redonda foi o primeiro a assustar com João Carlos, que arriscou da entrada da área e a bola saiu rente a trave. O Voltaço seguiu melhor na partida e quase abriu o placar aos 29 minutos. Luiz Paulo cobrou falta na área e Bruno Barra cabeceou para o gol, mas Fábio se esticou todo e conseguiu espalmar para escanteio.

Apesar da pressão tricolor, foram os visitante que abriram o placar com Maradona, aos 32 minutos. O gol não abalou o Volta Redonda que seguiu pressionando e conseguiu o empate aos 44. Luciano Naninho cobrou falta na cabeça de Heitor, que não desperdiçou e mandou para o fundo das redes.

Na volta do intervalo, a partida seguiu movimentada. O Volta Redonda teve duas chances de marcar o segundo antes dos dez minutos. Na primeira, Allan recebeu cruzamento de Luciano Naninho e cabeceou com muito perigo. Já na segunda, Marcos Vinícius foi lançado em velocidade, mas, na hora do chute, o Fábio saiu do gol e fez a defesa.

A resposta dos visitantes veio aos 12. Luiz Eduardo bateu para o gol e acertou a trave. A partida seguia equilibrada até que, aos 18 minutos, Luiz Eduardo marcou o segundo do São José.

Atrás no placar, o Esquadrão de Aço se mandou para o ataque e conseguiu o empate aos 24 minutos, com Wandinho, que desviou chute cruzado de Luiz Paulo.

O Voltaço seguiu pressionando e o atacante João Carlos teve a bola do jogo aos 43 minutos. O camisa 9 recebeu passe de Luciano Naninho e tentou de cobertura, mas Fábio se esticou todo e conseguiu fazer a defesa.

Campeonato Brasileiro da Série C – 9° rodada do grupo B
Volta Redonda 2×2 São José
(23/06/19 – estádio Raulino de Oliveira – 16h

Volta Redonda: Douglas Borges; Luís Gustavo, Allan, Heitor e Luiz Paulo; Bruno Barra, Gelson e Luciano Naninho; Douglas Lima, João Carlos e Marcos Vinícius. Técnico Toninho Andrade.

Gols: Heitor e Wandinho

Cartão amarelo: Allan, Bruno Barra e Luciano Naninho.

Público presente: 544 (144 pagantes)

Renda: R$ 1.470,00

Fluminense e Internacional são os campeões da Copa Voltaço 2019

Tricolor Carioca levou o troféu no sub-13 e o Colorado ganhou no sub-14 

A Copa Voltaço 2019 foi marcada por grandes jogos e nas finais não poderia ser diferente. A manhã de domingo no estádio do Trabalhador teve direito a disputa de pênaltis, virada e jogo emocionante até o último minuto. No final, o Fluminense sagrou-se campeão na categoria sub-13, vencendo o Flamengo nos pênaltis e levanto o troféu Garotos do Ninho, e o Internacional conquistou o título no sub-14, ganhando do Fluminense por 3 a 2 e levando o troféu Arthur Vinicius.

Os atacantes do Flamengo Bill, do sub-13, e do Internacional Marquinhos, do sub-14, levaram o troféu Hamilton Periard de melhor jogador da Copa Voltaço 2019.

Emoção nos pênaltis  

A manhã de decisões começou com um Fla x Flu, brigando pelo título da categoria sub-13. Melhor no primeiro tempo, o Fluminense terminou a primeira etapa vencendo por 1 a 0, gol de Gustavo. Na volta do intervalo, o Rubro-Negro reagiu e conseguiu empatar a partida com Edmilson, o Fofão.  

Com o 1 a 1 no tempo normal, a taça foi decidida nos pênaltis. Aí brilhou a estrela do goleiro Samuel, que pegou duas cobranças e converteu a sua, dando o troféu para o Fluminense.  

Gustavo comemora após marcar o gol tricolor no tempo regulamentar

Virada colorada  

Com o título do sub-13, o Fluminense entrou em campo buscando fazer a dobradinha e levar também o troféu do sub-14. O Tricolor até começou bem, abrindo o placar com João Pedro, após pelo chute da entrada da área. Entretanto, ainda na primeira etapa, o Internacional conseguiu virar a partida, com dois gols de Marquinhos.  

Na volta do intervalo, o Fluminense conseguiu reagir e empatar com Luiz Fernando, porém, não deu nem tempo para comemorar. Assim que a bola saiu, o Colorado se mandou para o ataque e conseguiu marcar o terceiro, com Vinícius.  

Marquinhos marcou dois gols na decisão do sub-14

Internacional vence Fluminense e é campeão da Copa Voltaço sub-14

Colorado saiu atrás no placar, mas virou a partida ainda no primeiro tempo

Por Nathan Alves

O sub-14 do Internacional venceu, por 3 a 2, o Fluminense e conquistou o título da Copa Voltaço 2019.

O JOGO

Nos minutos iniciais da partida, o Fluminense teve domínio, trocando bons passes no campo adversário. Em virtude disso, João Pedro recebeu a bola e chutou de fora da área no canto do goleiro Cássio.

Mas a equipe colorada não se abateu e, logo em seguida, marcou um belo gol após boa jogada coletiva, que terminou com a conclusão de Marquinhos, com uma cabeçada certeira.

A partir do gol de empate, o Fluminense se abateu e viu o time do Sul ter controle da partida. Domínio que resultou no gol da virada, novamente marcado por Marquinhos. O camisa 11 colorado recebeu dentro da área, driblou um marcador e chutou para virar o placar.

O Fluminense retornou ao campo empenhado em empatar a partida e pressionou nos primeiros minutos da segunda etapa. Deu certo! Luiz Fernando recebeu cruzamento de Daniel e cabeceou para o gol, empatando novamente a partida.

Entretanto, a comemoração foi breve. O gol do título Colorado surgiu logo em seguida. Após desatenção da defesa tricolor, Vinícius marcou o gol que garantiu a taça para o time do Rio Grande do Sul.

Fluminense é campeão da Copa Voltaço sub-13

Tricolor venceu o Flamengo nos pênaltis e terminou invicto na competição

Por Nathan Alves

Título tricolor! No estádio do Trabalhador, em Resende, o Fluminense empatou por 1 a 1 com o Flamengo e, nos pênaltis, superou o Rubro-Negro por 6 a 5.

O JOGO

O Fluminense dominou o início da partida e teve as principais chances criadas. Em uma delas, Gustavo aproveitou um cruzamento originado de uma bola parada e cabeceou firme para as redes.

Necessitando do gol, o Flamengo tomou iniciativa na segunda etapa e investiu nas jogadas pelo lado do campo. Próximo do fim, o Flamengo teve um pênalti a seu favor, e Edmilson, o Fofão, converteu a cobrança e empatou a partida, encaminhando a disputa do título nas penalidades.

Principal personagem da partida, goleiro Samuel, do Tricolor, teve problema muscular e na superação seguiu até o fim da partida. Nas penalidades, ele comprovou estar iluminado e defendeu duas cobranças. Além disso, ainda cobrou pênalti e converteu, contribuindo para o título do Fluminense.