Voltaço vence o Atlético-AC e encosta no G4

Núbio Flávio e Luan marcaram os gols da vitória tricolor

Com gols de Núbio Flávio e Luan, o Volta Redonda venceu, de virada, o Atlético-AC na Arena da Floresta. Com o 2 a 1, o Esquadrão de Aço chega aos 13 pontos e fica a um do G4.

O próximo compromisso tricolor será contra o Tigres do Brasil, pelas oitavas de final da Copa Rio. A partida será na quarta-feira, dia 4, às 15h, no estádio dos Los Larios.

Já pela Série C, o Voltaço recebe o Boa Esporte-MG no domingo, dia 7, às 15h, no Raulino de Oliveira.

O jogo

Em um primeiro tempo de poucas chances e muito truncado, as duas equipes criaram apenas duas grandes chances de abrir o placar. Melhor para os donos da casa. Que aproveitaram a que tiveram e abriram o placar com Douglas. Já o Volta Redonda, parou no goleiro adversário, que fez grande em cabeçada de Marcus Vinícius.

Na volta do intervalo, o Esquadrão de Aço passou a dominar a partida, mas não conseguia transformar em chances de gol. Até que, aos 34 minutos, Mateus recebeu o segundo amarelo e deixou o Atlético-AC com um jogador a menos.

Com a vantagem numérica, o Volta Redonda não demorou a virar o jogo. Aos 35, Núbio Flávio empatou e, dois minutos depois, Luan marcou o gol da vitória tricolor.

Campeonato Brasileiro da Série C – 10° rodada

Atlético-AC 1×2 Volta Redonda

(30/06/19 – Arena da Floresta – 19h)

Volta Redonda: Douglas Borges; Gedeílson, Allan, Heitor e Luiz Paulo; Bileu, Gelson (Núbio Flávio) e Luan; Douglas Lima (Marcus Vinícius), João Carlos (Saulo Mineiro) e Wandinho. Técnico: Toninho Andrade.

Gols: Núbio Flávio e Luan

Voltaço enfrenta o Atlético-AC fora de casa

Partida é válida pela primeira rodada do returno

Após um primeiro turno de altos e baixos, o Volta Redonda estreia no returno da Série C querendo a vitória para se aproximar do G4 do grupo B. Pela frente, o Atlético-AC neste domingo, dia 30, às 19h, na Arena da Floresta, e uma viagem de mais de 3.700 km.  

O segundo desafio já foi vencido pelo Esquadrão de Aço, que chegou em Rio Branco na noite desta sexta-feira. Agora, para também se sair bem dentro das quatro linhas, o comandante Toninho Andrade alerta para a importância de manter o foco e saber aproveitar as oportunidades criadas. 

Infelizmente não conseguimos converter em gols grandes oportunidades criadas nos últimos jogos e acabamos deixando pontos importantes escaparem.  Só que isso não pode mais acontecer. Precisamos vencer para continuarmos vivos na busca pela classificação. O Atlético-AC tem uma equipe com qualidade, mostrou isso no primeiro turno, mas precisamos da vitória e vamos em busca dela – destacou. 

O Volta Redonda está na sétima colocação do grupo B, com dez pontos ganhos, dois a menos que o Tombense-MG e a três do Ypiranga-RS. Abrindo o G4 está o Paysandu-PA, com 14 pontos, mesma pontuação do São José, que leva a melhor no saldo de gols. Remo-PA e Juventude-RS dividem a liderança com 15 pontos, com os gaúchos levando a melhor nos critérios de desempate.  

Volta Redonda comemora sucesso da Copa Voltaço 2019 e projeta próxima edição

Torneio terminou no domingo e teve Fluminense, no sub-13, e Internacional, no sub-14, como campeões

Foram 18 equipes, de seis estados do Brasil, sendo oito delas da Série A do Brasileirão, 574 atletas inscritos, 56 jogos, 151 gols e muita, mas muita emoção. Segundo o vice-presidente do Volta Redonda Flávio Horta Júnior, números que demonstram que a Copa Voltaço 2019 foi um sucesso e reafirmam que a competição é a maior do Brasil nas categorias sub-13 e 14.

Estamos muito orgulhosos por, mais um ano, realizar uma competição de alto nível, com a presença de grandes equipes do futebol brasileiro. Conseguimos expandir a marca da Copa Voltaço, realizando partidas em três cidades do Sul Fluminense e atingindo até pessoas fora do Brasil com as transmissões das partidas através das nossas mídias sociais – destacou, aproveitando para agradecer a todos que, de alguma maneira, contribuíram para a realização da competição.

Quero aproveitar para agradecer a todos os envolvidos na realização da competição. Os nossos patrocinadores, apoiadores, o pessoal do staff, formado por alunos de Educação Física do UGB, os alunos do Jornalismo do UniFOA, que ajudaram na cobertura jornalística, a organização e os clubes. Vocês fazem parte do sucesso da Copa Voltaço 2019 – agradeceu.

Com o apito final na competição deste ano, Horta Júnior afirmou que já iniciou o planejamento para a próxima edição.

A Copa Voltaço está se consolidando cada vez mais, já fazendo parte do calendário dos grandes clubes do futebol brasileiro. Este ano foi maior do que ano passado e ano que vem vamos trabalhar para continuar crescendo, contando com a participação de mais clubes tradicionais e expandindo cada vez mais a marca da Copa Voltaço – afirmou.

Reconhecimento

O observador técnico da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) Edgar Pereira acompanhou de perto a Copa Voltaço e falou sobre a importância da competição para a formação dos atletas.

Primeiro, parabéns pela organização. Foi uma competição muito bem organizada. Acho importante, nesta fase, fazerem este tipo de competição, para clubes jogarem contra outro tipo de escola, como aqui tivemos times de seis estados. Foi um nível muito bom e os garotos vão tirar muito proveito disso – ressaltou Edgar, que ainda falou sobre a iniciativa do Volta Redonda em organizar o torneio.

É muito bom para o Volta Redonda, que irá crescer muito e no futuro verá a importância de organizar um torneio de alto nível como este – completou.

Campeão da categoria sub-13, o treinador do Fluminense Rômulo Rodrigues também falou sobre a importância da Copa Voltaço.

É uma competição de nível nacional e, com isso, temos a oportunidade de conhecer outras escolas. A competição foi muito legal, porque nos saímos bem na primeira fase, tivemos a vantagem de enfrentar a equipe com a pior colocação na segunda, e conseguimos chegar até a final. Apesar de não termos feito uma das nossas melhores partidas, mostramos que Xerém forma guerreiros e conseguimos o título – frisou.

Já no sub-14, quem levou a melhor foi o Internacional e o técnico colorado foi outro a elogiar a competição.

A Copa Voltaço teve um nível altíssimo do primeiro ao último jogo. E não poderíamos fechar a competição sem ter um grande jogo, como foi esta final. A equipe do Fluminense é de alto nível e acho que isso engradece ainda mais nossa conquista – finalizou.

Voltaço empata em 2 a 2 com o São José-RS

Heitor e Wandinho marcaram os gols do Esquadrão de Aço

Em uma partida de quatro gols, o Volta Redonda empatou em 2 a 2 com o São José-RS, no Raulino de Oliveira.

Com o resultado, o Esquadrão de Aço termina o primeiro turno com dez pontos ganhos, na sétima posição.

Na próxima rodada, o Voltaço visita o Atlético-AC. A partida será no domingo, dia 30, às 19h, na Arena da Floresta.

O jogo

Em um primeiro tempo truncado e de poucas chances, o Volta Redonda foi o primeiro a assustar com João Carlos, que arriscou da entrada da área e a bola saiu rente a trave. O Voltaço seguiu melhor na partida e quase abriu o placar aos 29 minutos. Luiz Paulo cobrou falta na área e Bruno Barra cabeceou para o gol, mas Fábio se esticou todo e conseguiu espalmar para escanteio.

Apesar da pressão tricolor, foram os visitante que abriram o placar com Maradona, aos 32 minutos. O gol não abalou o Volta Redonda que seguiu pressionando e conseguiu o empate aos 44. Luciano Naninho cobrou falta na cabeça de Heitor, que não desperdiçou e mandou para o fundo das redes.

Na volta do intervalo, a partida seguiu movimentada. O Volta Redonda teve duas chances de marcar o segundo antes dos dez minutos. Na primeira, Allan recebeu cruzamento de Luciano Naninho e cabeceou com muito perigo. Já na segunda, Marcos Vinícius foi lançado em velocidade, mas, na hora do chute, o Fábio saiu do gol e fez a defesa.

A resposta dos visitantes veio aos 12. Luiz Eduardo bateu para o gol e acertou a trave. A partida seguia equilibrada até que, aos 18 minutos, Luiz Eduardo marcou o segundo do São José.

Atrás no placar, o Esquadrão de Aço se mandou para o ataque e conseguiu o empate aos 24 minutos, com Wandinho, que desviou chute cruzado de Luiz Paulo.

O Voltaço seguiu pressionando e o atacante João Carlos teve a bola do jogo aos 43 minutos. O camisa 9 recebeu passe de Luciano Naninho e tentou de cobertura, mas Fábio se esticou todo e conseguiu fazer a defesa.

Campeonato Brasileiro da Série C – 9° rodada do grupo B
Volta Redonda 2×2 São José
(23/06/19 – estádio Raulino de Oliveira – 16h

Volta Redonda: Douglas Borges; Luís Gustavo, Allan, Heitor e Luiz Paulo; Bruno Barra, Gelson e Luciano Naninho; Douglas Lima, João Carlos e Marcos Vinícius. Técnico Toninho Andrade.

Gols: Heitor e Wandinho

Cartão amarelo: Allan, Bruno Barra e Luciano Naninho.

Público presente: 544 (144 pagantes)

Renda: R$ 1.470,00

Fluminense e Internacional são os campeões da Copa Voltaço 2019

Tricolor Carioca levou o troféu no sub-13 e o Colorado ganhou no sub-14 

A Copa Voltaço 2019 foi marcada por grandes jogos e nas finais não poderia ser diferente. A manhã de domingo no estádio do Trabalhador teve direito a disputa de pênaltis, virada e jogo emocionante até o último minuto. No final, o Fluminense sagrou-se campeão na categoria sub-13, vencendo o Flamengo nos pênaltis e levanto o troféu Garotos do Ninho, e o Internacional conquistou o título no sub-14, ganhando do Fluminense por 3 a 2 e levando o troféu Arthur Vinicius.

Os atacantes do Flamengo Bill, do sub-13, e do Internacional Marquinhos, do sub-14, levaram o troféu Hamilton Periard de melhor jogador da Copa Voltaço 2019.

Emoção nos pênaltis  

A manhã de decisões começou com um Fla x Flu, brigando pelo título da categoria sub-13. Melhor no primeiro tempo, o Fluminense terminou a primeira etapa vencendo por 1 a 0, gol de Gustavo. Na volta do intervalo, o Rubro-Negro reagiu e conseguiu empatar a partida com Edmilson, o Fofão.  

Com o 1 a 1 no tempo normal, a taça foi decidida nos pênaltis. Aí brilhou a estrela do goleiro Samuel, que pegou duas cobranças e converteu a sua, dando o troféu para o Fluminense.  

Gustavo comemora após marcar o gol tricolor no tempo regulamentar

Virada colorada  

Com o título do sub-13, o Fluminense entrou em campo buscando fazer a dobradinha e levar também o troféu do sub-14. O Tricolor até começou bem, abrindo o placar com João Pedro, após pelo chute da entrada da área. Entretanto, ainda na primeira etapa, o Internacional conseguiu virar a partida, com dois gols de Marquinhos.  

Na volta do intervalo, o Fluminense conseguiu reagir e empatar com Luiz Fernando, porém, não deu nem tempo para comemorar. Assim que a bola saiu, o Colorado se mandou para o ataque e conseguiu marcar o terceiro, com Vinícius.  

Marquinhos marcou dois gols na decisão do sub-14

Internacional vence Fluminense e é campeão da Copa Voltaço sub-14

Colorado saiu atrás no placar, mas virou a partida ainda no primeiro tempo

Por Nathan Alves

O sub-14 do Internacional venceu, por 3 a 2, o Fluminense e conquistou o título da Copa Voltaço 2019.

O JOGO

Nos minutos iniciais da partida, o Fluminense teve domínio, trocando bons passes no campo adversário. Em virtude disso, João Pedro recebeu a bola e chutou de fora da área no canto do goleiro Cássio.

Mas a equipe colorada não se abateu e, logo em seguida, marcou um belo gol após boa jogada coletiva, que terminou com a conclusão de Marquinhos, com uma cabeçada certeira.

A partir do gol de empate, o Fluminense se abateu e viu o time do Sul ter controle da partida. Domínio que resultou no gol da virada, novamente marcado por Marquinhos. O camisa 11 colorado recebeu dentro da área, driblou um marcador e chutou para virar o placar.

O Fluminense retornou ao campo empenhado em empatar a partida e pressionou nos primeiros minutos da segunda etapa. Deu certo! Luiz Fernando recebeu cruzamento de Daniel e cabeceou para o gol, empatando novamente a partida.

Entretanto, a comemoração foi breve. O gol do título Colorado surgiu logo em seguida. Após desatenção da defesa tricolor, Vinícius marcou o gol que garantiu a taça para o time do Rio Grande do Sul.

Fluminense é campeão da Copa Voltaço sub-13

Tricolor venceu o Flamengo nos pênaltis e terminou invicto na competição

Por Nathan Alves

Título tricolor! No estádio do Trabalhador, em Resende, o Fluminense empatou por 1 a 1 com o Flamengo e, nos pênaltis, superou o Rubro-Negro por 6 a 5.

O JOGO

O Fluminense dominou o início da partida e teve as principais chances criadas. Em uma delas, Gustavo aproveitou um cruzamento originado de uma bola parada e cabeceou firme para as redes.

Necessitando do gol, o Flamengo tomou iniciativa na segunda etapa e investiu nas jogadas pelo lado do campo. Próximo do fim, o Flamengo teve um pênalti a seu favor, e Edmilson, o Fofão, converteu a cobrança e empatou a partida, encaminhando a disputa do título nas penalidades.

Principal personagem da partida, goleiro Samuel, do Tricolor, teve problema muscular e na superação seguiu até o fim da partida. Nas penalidades, ele comprovou estar iluminado e defendeu duas cobranças. Além disso, ainda cobrou pênalti e converteu, contribuindo para o título do Fluminense.

Fluminense vence Atlético-MG nos pênaltis e avança à final da Copa Voltaço sub-14

Assim como no sub-13, o tricolor também garante sua vaga na decisão  

Por Matheus Suominsky

Fluminense e Atlético-MG fizeram uma partida muito equilibrada nesta manhã de sábado, dia 22, no estádio de Itatiaia. As duas equipes construíram chances de gol ao longo do jogo, mas o resultado permaneceu 0 a 0 durante o tempo normal. Nos pênaltis, a equipe carioca foi mais feliz e venceu por 5×4. 

O tricolor retorna ao gramado amanhã pela final da Copa Voltaço sub-14. Seu adversário será o Internacional-RS. O estádio do Trabalhador, em Resense, recebe a decisão, às 10h30. 

O jogo  

Logo na saída de bola, o Atlético Mineiro já tinha perdido uma grande oportunidade, após vacilo da zaga tricolor. Isso foi uma amostra de que o jogo iria ser muito competitivo. O Fluminense se recuperou do susto e foi para cima. Mesmo com as ações ofensivas dos clubes, a rede não balançou. 

A partida continuou equilibrada no segundo tempo e as duas equipes continuaram buscando o gol. Além dos lances de perigo, os garotos também fizeram algumas faltas. Cada equipe levou um cartão amarelo no segundo tempo.  Apesar da iniciativa do galo e do flu, o jogo acabou ficando no empate e foi para os pênaltis. 

Nas cobranças, os garotos dos dois times mostram muita personalidade e deixaram a pressão de lado. Os atletas cobraram muito bem as penalidades.  Na última rodada dos penais, o tricolor fez e o galo perdeu. O goleiro Antônio defendeu a cobrança. 

O arqueiro do Tricolor, Antônio, falou depois das cobranças que o diferencial da equipe foi a confiança: ‘‘Nós conseguimos propor o nosso jogo. A gente acreditou e lutou até o último minuto’’.  

O clube vinha de uma decisão de pênaltis contra o Bahia no último jogo e isso ajudou o time, segundo o goleiro: ‘‘A gente já tinha pegado a batida, os jogadores já acostumaram com a batida e agora vamos para a final’’. 

Flu vence Galo avança para a final do sub-13 da Copa Voltaço

O tricolor carioca garantiu sua vaga na decisão com um gol no fim da partida 

Por Matheus Suominsky

Atlético Mineiro e Fluminense se enfrentaram para decidir quem avançaria para a grande final da categoria sub-13. O público presente no Estádio Municipal Antônio Corrêa, em Itatiaia, acompanhou um grande jogo, com dois clubes tradicionais do futebol brasileiro. A equipe carioca levou a melhor e venceu por 1 a 0. Cauã marcou o gol do jogo.  

Na decisão, o Fluminense irá enfrentar o Flamengo. A partida será neste domingo, dia 23, às 9h, no estádio do Trabalhador, em Resende.  

O jogo 

O Fluminense começou ditando o ritmo do jogo. A equipe carioca chegava com muito perigo ao campo do Atlético-MG, principalmente na bola área. Os mineiros apareceram algumas vezes ao campo de ataque, mas não oferecia perigo ao goleiro do tricolor. 

No segundo tempo, a equipe atleticana conseguiu equilibrar a partida até a metade da segunda etapa, porém, depois só deu Fluminense. A equipe carioca chegava ao campo adversário  em várias oportunidades e a insistência da equipe deu resultado. Cauã Elias, número 19 do tricolor, marcou o gol da classificação do Flu para a grande final. 

Após a partida, Cauã falou da sensação de marcar o gol que levou o Fluminense para a final: ‘‘O gol foi muito importante, eu já tinha feito um gol neles antes na fase de grupos, e hoje marquei de novo. Agora vamos para cima na final’’. 

Volta Redonda recebe São Jose-RS em confronto direto pelo G4

No Raulino de Oliveira, em caso de vitória, o Esquadrão de Aço pode terminar o turno na zona de classificação para o mata-mata 

Pela última rodada do primeiro turno do Grupo B do Brasileirão Série C, o Volta Redonda recebe, neste domingo, 24, às 16h, o São Jose-RS. A partida será um confronto direto por uma vaga no G4.  

O Esquadrão de Aço, em caso de vitória, chegaria aos 12 pontos, podendo terminar o turno na zona de classificação para a fase mata-mata da Série C.  

– Estamos vindo de duas partidas muito complicadas fora e agora iremos enfrentar um adversário direto pelo G4 no Raulino. O São José vem fazendo uma boa campanha, mas em casa só a vitória nos interessa. Precisamos dos três pontos para encostar nos líderes e continuarmos vivos na briga por uma vaga no mata-mata – destacou o comandante Toninho Andrade.  

Time base à disposição 

O comandante Toninho Andrade terá a sua disposição o time base que fez boa campanha no Carioca e iniciou a trajetória na terceira divisão nacional. 

O artilheiro do Voltaço na temporada com nove gols, João Carlos volta após cumprir suspensão na última partida. Retornando de lesão, o zagueiro Daniel Felipe também poderá entrar em campo. Assim como o lateral Luís Gustavo, que já esteve no banco na última partida.

Promoção de ingressos   

A diretoria tricolor decidiu manter a promoção de ingresso e todo torcedor que for com uma camisa amarela ou preta pagará R$ 10 (meia-entrada). 

Os ingressos antecipados já estão disponíveis nos seguintes postos de venda: 

Loja Jogadores Caros 

– Subsolo do Sider Shopping – Vila Santa Cecília 

Empório Brasil 

– Avenida Sávio Gama, 1935 – Retiro 

Loteria do meia-meia 

– Avenida Lucas Evangelista, 160 – Aterrado 

Estádio Raulino de Oliveira 

– Apenas no dia da partida, a partir das 14h