Voltaço empata com o Paysandu e mantém liderança do grupo B

Esquadrão de Aço parou em grande atuação do goleiro adversário

O Volta Redonda pressionou, finalizou mais de 20 vezes, mas parou na grande atuação do goleiro adversário e ficou no 0 a 0 com o Paysandu-PA na noite deste domingo, no Raulino de Oliveira.

Com o resultado, o Esquadrão de Aço chega aos oito pontos, mantendo a liderança e a invencibilidade na Série C.

Na próxima rodada, o Voltaço visita o Luverdense-MT. A partida será no domingo, dia 26, às 17h, no estádio Passo das Emas.

O jogo

Os primeiros 45 minutos foram de amplo domínio tricolor. Aos dez minutos, Luiz Paulo bateu falta da entrada da área e Mota fez grande defesa, evitando o gol tricolor.

O Volta Redonda seguiu pressionando e conseguiu criar outra grande chance aos 25 minutos. Douglas Lima driblou o defensor e tocou para Bruno Barra, que, de primeira, bateu para o gol saiu à direita, tirando o “Uhhh” da torcida presente.

A grande chance saiu aos 35 minutos. Após cobrança de escanteio, Daniel Felipe cabeceou para o gol, a bola desviou na defesa e, por muito pouco, não surpreende Mota, que se esticou todo e conseguiu espalmar para escanteio.

O início da segunda etapa foi um verdadeiro bombardeio do Voltaço para cima do Paysandu. O Esquadrão de Aço finalizou dez vezes antes dos 25 minutos. A melhor chance foi em uma cobrança de pênalti, que João Carlos bateu no canto esquerdo e Mota defendeu.

Por sua vez, o Paysandu só conseguiu dar o seu primeiro chute aos 35 minutos, com Pimentinha, que arriscou da entrada da área e a bola saiu por cima do gol de Douglas Borges.

Nos minutos finais, o Voltaço ainda conseguiu criar a última chance de gol, mas Gedeílson parou em Mota, após chute da entrada da área.

Campeonato Brasileiro da Série C – 4° rodada
Volta Redonda 0x0 Paysandu-PA
( 19/05/19 – estádio Raulino de Oliveira- 18h)


Volta Redonda: Douglas Borges; Gedeílson, Daniel Felipe, Heitor e Luís Gustavo; Bruno Barra, Gelson e Luiz Paulo; Douglas Lima (Marcus Vinícius), Luciano Naninho (Wandinho), Saulo Mineiro (João Carlos).

Técnico: Toninho Andrade.

Cartão amarelo: Heitor, Luciano Naninho

Público presente: 866 (466 pagantes)

Renda: R$ 5.680,00

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *